Archive | July 2015

Poesia – eco da minha alma – 25 de julho Dia do Escritor

anigif

No eco da poesia minha alma voa em silêncio pousando em mim todas as chamas.

Ma Socorro

Advertisements

Etiqueta II – Antologias Brasileiras 2015

 2a0CS-3mT-2

Entre o rótulo insano a luz atiça

A estrela da alva se estilhaça

Desdenha afinco indizível zelo

Envolto a transposição em selo

Estivas concedem mil encantos

Embaraços: chamas sem espantos

Enternecido chora coração mutilado

Saudoso disfarça o amor alado

Cala-se a alma. Espelho cego

Quieto sussurra. Manhã, castigo

Detém um osculo apenas abrasado

Porventura sou ao vazio condenado?

Desvanece. Lamenta etiqueta em primícia

Despindo-me em agonias a tua ausência

Ma Socorro

Texto do Livro: Letras do Brasil – Antologias Brasileiras 2015

Organização: Rô Mierling

Feature – Blogging 101 june 2015

images (4)

oh se amor acaba, por que se ama?

Por que fica só a saudade enfim?

Lamento dos olhos de mim mesma

A solidão permanece em mim…

Toca-me na alma que rasga em chamas

Transforma-se amor em quase nada

O impulso de todas as lágrimas

Frisam os retalhos já sem vida

Cálida, à luz dos Sonhos se finda

Esmaga sem pudor doce alma

Reflexo da estranha despedida

Entrego-me ao desatino d’alma

Cada dor faz chorar na partida

Dilacera a saudade: dilema.

Ma Socorro

Feature – a cada semana uma poesia