Hub Challege # 4. Where the Skeletons Live?

pregação vale de ossos secos preaching valley dry bones
Vivem-se, sem viver, invisivelmente
Em ruas frias, esquecidos, sem alentos
Em uma sociedade nua. Olhai lentamente
Onde vive os esqueletos vivos em tormentos

Misturam-se a vida as vidas ausentes
Os vivos esqueletos que são esquecidos
Vivem com esperanças: ser reconhecidos
Como pessoas humanas não maldizentes

Circunstâncias da vida roubam o presente
Estranha sensação viver sem documentos
Abandonados dos direitos polêmicos. Sente.

Porventura estes ossos são lamentos?
O tempo asfixia o homem. Levante!
Fé: ossos tenham Vida! Vivos! Libertos
Ma Socorro

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s